Sustentabilidade e economia: 10 práticas para sua loja

Categoria: Administração

Autor(a): Júlio Mangussi | Colaborador(es): Jornalismo Top.Co. | Cidade: Campinas | 07/05/2018 - 11:30

Com passos simples, ações sustentáveis auxiliam a reduzir custos, promovem bem-estar das pessoas envolvidas e contribuem para o meio ambiente
 iStock/ weerapatkiatdumrong

iStock/ weerapatkiatdumrong

 
1. MENTALIDADE ECO

O empresário deve cultivar ideias sustentáveis e colocá-las em prática, até mesmo aquelas que parecem pequenas. Evite substituir aparelhos eletrônicos desnecessariamente. Avalie a necessidade, se realmente é imprescindível ou se é apenas um impulso consumista. Dessa maneira, além de economizar dinheiro, será possível diminuir o impacto ambiental gerado pelos resíduos eletrônicos. Ao comprar novos móveis, sempre escolha os feitos com madeira certificada. Não incentive o desmatamento ilegal. 
 

Imprima seus documentos de forma sustentável. Sempre que possível, utilize folhas de rascunho ou configure as impressoras da empresa para imprimir frente e verso. Economize dinheiro com folhas e contribua para a diminuição de resíduos. É possível ter uma loja mais sustentável com passos simplesReduza a aquisição de novas pilhas, utilize as recarregáveis. Atente-se também ao descarte delas, que não pode ser feito em lixo comum. Isso porque tais baterias contêm metais pesados e tóxicos, que contaminam o solo e a água. Para descartar o lixo do seu pet shop, especialmente se possuir clínica veterinária ou banho e tosa, procure um posto de coleta especial. 

 


iStock/ Faiani

2. EQUIPE ENGAJADA

Não é possível ter uma loja sustentável sem o auxílio de toda a equipe. Ela é essencial, afinal vive a rotina da empresa. Por isso, capacitá-la é imprescindível para colocar em prática todas as atitudes recomendadas neste texto. A transformação comportamental acontecerá somente se o empresário começar a exercer a liderança de maneira correta. “Não basta impor regras de forma agressiva. Caso contrário, na ausência do gerente ou responsável, os erros podem se repetir”, diz Luiz Fernando Bueno, professor do curso de Sustentabilidade e Responsabilidade Social da IBE-FGV e diretor titular do departamento de sustentabilidade do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), de Campinas. 
 

Os funcionários precisam entender a importância de cultivar uma cultura sustentável na empresa. “O maior capital que uma empresa possui é o capital humano. É preciso valorizar a equipe, recompensá-la quando preciso. Assim ela se sentirá inserida e cuidará da empresa como se fosse dela. Os funcionários precisam alinhar seus valores aos da loja”, explica. Motive a equipe a adotar práticas sustentáveis. Que tal oferecer descontos para os funcionários que melhor administram os recursos naturais utilizados no seu negócio (água, luz, resíduos plásticos e outros)? Por que não gerar mais oportunidades e incluir funcionários com deficiência em sua equipe?  “Acima de tudo, é preciso ter uma equipe engajada”, finaliza.


iStock/ DragosCondrea


3.GERENCIE O ESTOQUE E FAÇA PARCERIAS

Atente-se à acomodação correta de rações, petiscos, medicamentos e outros produtos perecíveis. Variações de temperatura e umidade podem alterar o processo de conservação. O empresário também deve ficar de olho no controle do estoque, para evitar que produtos passem da validade de consumo. Conheça seus fornecedores e a maneira que eles trabalham. Opte por aqueles que são responsáveis e que cumpram os prazos de entrega. Além de sustentável, evitar o desperdício de produtos é benéfico para as contas da empresa.  
 

Converse e negocie com empresas que se comprometam a adotar medidas sustentáveis compatíveis com as políticas de seu negócio. Faça parcerias exclusivas. Ofereça espaço de divulgação em sua loja para determinada marca sustentável e, em contrapartida, exija preços melhores. Repasse esse valor para o consumidor final. 
 

4. PADRONIZE O CONSUMO

Oriente sua equipe a evitar gastos desnecessários de produtos. Padronize a quantidade de xampu utilizado, de acordo com o tipo de serviço e o porte do animal banhado. Use dosadores, se preciso. Quando possível, diminua o uso de materiais descartáveis, como copos, garrafas, sacolas e talheres de plástico. Você economizará no custo desses produtos e evitará a geração de resíduos. 



iStock/ olm26250
 

 
5. PRODUTOS SUSTENTÁVEIS

Hoje, o mercado oferece diversos produtos ambientalmente corretos, feitos a partir de materiais orgânicos e reciclados, os chamados eco friendly. Cosméticos, roupas, coleiras, caminhas, entre outros itens. Além de incentivar uma cadeia produtiva verde, sustentável, o empresário que oferece tais produtos para sua clientela também tem a oportunidade de se diferenciar da concorrência. Pois atrai um público crescente, que valoriza um modelo de vida saudável, e uma sociedade sustentável. Além disso, é eticamente correto. Dê preferência para as marcas que não fazem testes em animais e que sejam idôneas. 
 

Também é possível diminuir custos de limpeza utilizando produtos biodegradáveis e receitas caseiras. E, sempre que possível, adquira produtos de empresas locais, assim estimulará a economia e a geração de empregos de sua região, além de diminuir a emissão de gás carbônico (CO²) no transporte dos produtos.

 
 
6. EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Reforce a cultura sustentável de sua loja e transmita-a para sua clientela. Desenvolva o hábito de perguntar ao seu cliente se ele necessita de sacolas plásticas. Incentive o uso de sacolas biodegradáveis ou retornáveis e, até mesmo, venda produtos do tipo em sua loja com a temática pet. Donos de cães conscientes retiram as fezes da calçada, por exemplo. Embalagens recicláveis são cada vez mais competitivas. Além de diminuir custos para sua loja, desestimular o uso de sacolas plásticas também reduz a quantidade de lixo na coleta e nos aterros.

 
7. ATENDIMENTO MÓVEL

O serviço de banho e tosa móvel não é uma novidade no mercado. Algumas lojas já o possuem, mas é preciso muito estudo antes de adquirir e adaptar um automóvel para tal função. Pesquise e faça as contas, ele pode ser extremamente útil. Com planejamento, é possível atender vários clientes de um mesmo condomínio, ou bairro, em apenas um dia. Organização também deve ser a palavra de ordem, caso você ofereça o serviço do tipo leva e traz. Calcule o trajeto, estipule horários para diminuir o número de viagens e o consumo de gasolina. Uma ideia é dividir os bairros por dias específicos, assim você atende a todos, mas com planejamento. 


iStock/ holwichaikawee

 
8. PROMOÇÕES VERDES

Estimule a clientela a consumir produtos sustentáveis com promoções. Avalie suas condições e veja quais as melhores opções sugeridas pelo Sebrae: 
 

• Ofereça descontos em determinados produtos para aqueles que comprarem uma ecobag, por exemplo. 

• Conceda descontos escalonados para produtos com selo sustentável, ou seja, quanto mais produtos o cliente comprar, maior é o desconto. Faça promoções-relâmpago com produtos sustentáveis em dias de maior movimento. Facilite o pagamento daqueles que comprarem acima de uma quantidade de produtos sustentáveis. 

• Crie um cartão de fidelidade sustentável. A cada dez compras realizadas com uma ecobag, o cliente recebe abatimento nos preços dos produtos.

• Indique um amigo para fazer o cartão fidelidade sustentável. A cada amigo indicado, o cliente ganha um desconto nos produtos do estabelecimento.

• Desenvolva um programa de pontos que atrele atitudes sustentáveis a benefícios ou a condições especiais de pagamento.

 
9. CAMPANHAS

Estimule o consumo de produtos sustentáveis com campanhas temáticas. Veja algumas sugestões do Sebrae: 
 

• Dia sustentável: Em um dia específico, reduza o valor de todos os produtos sustentáveis comercializados em sua loja. 

• Ranking de clientes: Liste os maiores compradores de produtos sustentáveis. Ao final do ano, os primeiros colocados ganham privilégios durante as compras do próximo ano. 

• Compra coletiva: Anuncie descontos de produtos sustentáveis em sites de compras coletivas.

• Datas comemorativas: Promova descontos em datas comemorativas que favoreçam o seu negócio, como o Dia das Mães, Dia das Crianças, Dia Mundial da Água e outros.

 
10. PESQUISE E OBSERVE

Observe como a sustentabilidade está envolvendo todo o mercado pet, de que maneira está gerando novos negócios e alterando o comportamento de empresários e consumidores. Além disso, pesquise mais sobre atuações de empresas sustentáveis, mesmo que não sejam do setor. Elas podem se tornar uma referência para a sua. 

 O Centro Sebrae de Sustentabilidade também pode te ajudar, procure a entidade mais próxima de sua região e contate um consultor. 


Última edição (209)

Destaques:


Dormindo de bolso cheio

Esquente as vendas no verão

Quer expandir sua loja?

Caminho da compra

Reduza tributos

Cadernos:
Aves
Aquarismo
PetClínicas


Saiba mais ›

Destaques:


Thelson Rizzo compartilha conselhos

Lhasa Apso: aprenda a tosá-lo

Brasileiro conquista americanos com seu trabalho

Projeto qualifica jovens com deficiência



EnqueteEnquetes anteriores

O que fazer quando o cliente diz: “Só estou dando uma olhadinha”?








Participando da nossa enquente você concorrerá a prêmios

Agradecer de maneira formal e aguardar

Fazer uma nova abordagem, mais simpática

Dar espaço ao cliente e se direcionar a outro consumidor

Da espaço ao cliente, mas ficar disponível para qualquer dúvida dele

PUBLICIDADE