quinta-feira, maio 30, 2024
Outros

Chocodog’s se destaca no Natal

p.p1 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; text-align: justify; text-indent: 22.7px; font: 9.5px ‘Goudy Old Style BT’}

Fundada em 1998 na cidade de Valinhos-SP, a Chocodog’s é especializada em petiscos sabor chocolate. Ressalta-se que os produtos não são chocolates, pois em suas composições a manteiga de cacau é substituída por ingredientes que não prejudicam o organismo do animal, garantindo uma dieta saudável e balanceada, explica o sócio proprietário da empresa, Elias Almeida. “Toda a nossa preocupação com a qualidade consiste também em proporcionar aos nossos clientes a segurança necessária para a mais perfeita realização de suas vendas, trazendo-nos como resultado não só credibilidade como também a plena satisfação do cliente consumidor”, aponta. 
 

Elias explica que, nos últimos cinco anos, a curva de crescimento da empresa oscila na faixa dos 20% quando se trata de produtos com apelo natalino e 30% nos produtos que exploram a Páscoa. “Todavia, no próximo ano estamos otimistas que o crescimento ficará em torno de 30 e 40%, tendo em vista todos os impasses de 2018 como por exemplo, greve dos caminhoneiros, Copa do Mundo e eleições”, avalia Elias, salientando o diferencial que o produto oferece ao varejista. “O lojista que adquire nossos produtos tem o diferencial de ter em mãos um produto único e pioneiro no mercado. Os produtos podem ser vendidos diretos no balcão, gondolas ou e-commerce, dependendo da opção de cada cliente”, completa.  
 

Além dos itens temáticos de Natal e de Páscoa, a empresa produz petiscos em formato de palitos, ossinhos e bombons. Destaca-se também o kit de aniversário canino, com vários petiscos. “Nosso crescimento tem sido constante, apesar dos problemas políticos que nossa nação vem passando”, diz o empresário, ressaltando que os petiscos em forma de pastilha, em pacotes de 50g, é o que mais tem sido comercializado atualmente. “Destaco ainda o petisco em formato de ossinho (display com 100 unidades) e o formato bombom (display avulso com 50 unidades), que são muito atraentes aos lojistas devido à facilidade de exposição, aliada à viabilidade que oferecem, uma vez que podem ser vendidos individualmente”, completa.
 

p.p1 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; text-align: center; font: 8.5px ‘GoudyOlSt BT’}

 

 


Foto: divulgação
Além dos itens temáticos de Natal e de Páscoa, a empresa produz petiscos em formato de pastilhas, ossinhos e bombons

 

Para os consumidores receosos, Elias salienta que os Chocodog’s  foram testados e não fazem mal ao cachorro, já que não contêm em sua fórmula a Teobromina, componente presente no chocolate que é produzido para consumo humano. “A quantidade de açúcar presente no Chocodog’s é mínima, não comprometendo a saúde bucal do seu cão”, acrescenta o empresário, destacando que o alimento possui baixo teor de gordura. Vale lembrar que a proposta da Chocodog’s não é de alimentar o cão e sim de ser um petisco, um agrado, que deve ser oferecido em pequenas quantidades. “Não é aconselhável dar ao cão o pacote de Chocodog’s de uma só vez”, atenta.