8 CUIDADOS BÁSICOS PARA AVES NO INVERNO

15/07/2019 - 15:32

Sensíveis à mudanças bruscas de temperatura, elas precisam de atenção redobrada nos dias mais frios do ano

Foto: iStock.com/catherine scotton

Foto: iStock.com/catherine scotton

As aves são animais sensíveis a mudança brusca de temperatura, fato que está relacionado, principalmente, às diferenças anatômicas específicas do aparato respiratório. A ausência de epiglote (cartilagem localizada na abertura da traqueia para evitar que alimentos entrem nela) e variados sacos aéreos (estruturas anatômicas do sistema respiratório das aves que servem para circulação e expansão de ar durante a respiração desses animais) bem desenvolvidos, porém com pouca vascularização, favorece um ambiente mais propício a proliferação de microorganismos. No inverno é muito comum as aves apresentarem distúrbios respiratórios como rinites, sinusites, traqueítes, pneumonias, aerossaculites ocasionados por distintos patógenos. Algumas doenças infecciosas como Micoplasmose, Influenza Aviária, Aspergilose, Avipoxvírus e Pneumovírus podem ocorrer. Contudo, quais os principais sinais respiratórios que indicam que algo não vai bem com a ave? Existem inúmeros. No quadro “Sinais respiratórios comuns nas aves”, listei apenas os mais comuns.

Confira esta matéria na íntegra adquirindo a edição 216. Clique aqui!

https://www.editoratopco.com.br/loja/pet-center/edicao-216-julho-2019-2713.html