terça-feira, abril 16, 2024
AtualidadesMatérias do Mês

Como aumentar os lucros com a internet

A internet é uma ferramenta cada vez mais explorada em diversos mercados e gera resultados bastante encorajadores para que seu uso se desenvolva exponencialmente. O mercado pet brasileiro ainda tem atuação discreta no meio on-line, com muitos campos ainda a serem explorados, que podem significar crescimentos importantes em diversos segmentos da indústria.
O empresário do setor pet conta com estratégias on-line diferentes, dependendo de seu ramo de atuação. No caso de empresários que trabalham com pet shops, há diversas maneiras de profissionalizar o negócio na internet.
 
Website institucional
Atualmente ter um website institucional sobre o pet shop não é mais um diferencial, mas uma ferramenta obrigatória de divulgação dos serviços oferecidos. Além de divulgar o estabelecimento, a página institucional tem diversas funções: fonte de consulta de informações para os clientes, exibição de fotos do estabelecimento, divulgação campanhas e promoções, notícias; para engajar o cliente, fortalecendo o relacionamento com ele.
O website institucional deve ser desenvolvido por bons profissionais de TI (tecnologia da informação) e passar uma imagem profissional, focada no público-alvo. A página inicial deve apresentar o nome da empresa, o endereço, telefones, horários de funcionamento bem visíveis, e menus simples. Nas demais páginas devem ser listados os serviços oferecidos, dicas sobre pets e um pouco sobre a empresa.
O ideal é contar com imagens originais, textos simples e objetivos, e iniciativas que convidem o cliente a se engajar mais, como link para curtir sua página no Facebook, murais para depoimentos e agendamento de visita. Além disso, é interessante quantificar os acessos ao website, o tempo de acesso, número de cliques e região de onde o internauta está acessando. Assim, o website funciona como uma ferramenta para gerar informações de inteligência de negócio e auxiliar em estratégias de marketing futuras.
Outra preocupação é o posicionamento das ferramentas de busca. Para mais informações, o ideal é pesquisar sobre SEO (“search engine optimization”) que é basicamente planejar quais características deixam seu website mais atraente para que tenha um bom ranking nas páginas de pesquisa, gerando maior visibilidade. O website institucional é o primeiro passo para realizar as demais ações on-line, pois será o ambiente que os clientes encontrarão depois de verem divulgações em outros websites ou mesmo outros meios.
 
E-commerce (loja on-line)
O e-commerce é um ambiente no qual o pet shop poderá vender os produtos on-line. Esse investimento é mais alto do que o website institucional e demanda gestão e desenvolvimento mais complexos. O ideal é ter um planejamento estratégico muito bem desenvolvido, pois há diversos websites bastante especializados que dominam o mercado de venda on-line pet, com preços competitivos e eficiência de marketing e de logística.
 
Redes sociais, vitrines on-line e propagandas
As redes sociais representam uma maneira fácil e de baixíssimo custo para divulgar seu negócio. Montar uma página no Facebook é simples e administrá-la demanda pouco tempo. O ideal é ter uma página com postagens semanais (ou duas vezes na semana) misturando conteúdo lúdico com conteúdo interessante e utilizando imagens originais. A intenção é fazer o público curtir a página e compartilhar as postagens, que podem versar sobre cuidados pet, novidades, promoções ou mensagens amigáveis.
Existem algumas empresas que desenvolvem vitrines on-line para divulgar pet shops para proprietários de animais de estimação. Esses websites são especializados em reunir informações extremamente relevantes aos proprietários e com isso fornecem visibilidade aos pet shops parceiros. Procurar uma dessas empresas e avaliar como o plano dela se encaixa ao seu orçamento/modelo de negócio é uma ótima estratégia para atrair mais clientes. Além das redes sociais e das vitrines on-line existem alguns websites e blogs com conteúdo focado em pets que vendem espaços para divulgação. Para tomar essa decisão, deve-se verificar se eles têm boa visibilidade e se as visitas correspondem a seu público-alvo.
 
E-mail Marketing e newsletters
Ter o email de seus clientes possibilita divulgar novidades, promoções, conteúdo relevante referente a pets, convidar para eventos, enviar cupons e até pedir feedback.
O ideal é encontrar uma frequência que não “canse” o cliente, enviar de maneira que não vá para a caixa de spam, utilizar um programa que rastreie a abertura dos e-mails para futuros planejamentos (como o “mailchimp”) e ter conteúdo relevante.
Há diversas maneiras de utilizar o meio on-line para aumento da lucratividade. Atualmente é possível fazer até o abastecimento de seu pet shop pela internet. Com o projeto da empresa Integravet, algumas distribuidoras já desenvolveram plataformas para compras on-line que oferecem praticidade, economia de tempo e promoções muito interessantes.
Com todas essas possibilidades, a conduta é analisar o que faz mais sentido para seu modelo de negócio, planejar as novas iniciativas e sempre contabilizar como cada uma delas influencia nos resultados.
 
 
Marco Antonio Gioso
FMVZ-USP
http://www.usp.br/locfmvz

 
Colaboradores: 
Marcelo Caires Brito
Vetcoaches
 
Mariana Matazzo
4vetsr