domingo, julho 14, 2024
AdministraçãoDestaque

Qual A importância e como usar o CRM em distribuidoras?

 

Conheça o que é e quais os benefícios do CRM em distribuidoras

O CRM (Customer Relationship Management – Gerenciamento do Relacionamento com o Consumidor) é uma importante ferramenta aliada à produtividade e eficiência na gestão do relacionamento entre o cliente e a empresa.

É aplicado tanto para negócios B2B (empresas com empresas) como em empresas B2C (negócios com clientes finais).

Como funciona?

Em uma plataforma específica, são incluídos todos os dados do cliente e as atividades a ele relacionadas, por exemplo programação de futuras atividades, e-mails e orçamentos enviados, histórico de compras, negociações, ligações, reclamações e todas as informações desse relacionamento, incluindo dados de contato etc.

Existem algumas opções do CRM local que é mantido no servidor da empresa, ou em um aplicativo online (chamado de cloud computing).

Qual a vantagem?

A centralização de todas as informações em uma única plataforma permite que a equipe comercial possa sempre estar atualizada em relação a tudo o que acontece com os clientes, com acesso em tempo real, aumentando a efetividade das vendas e minimizando retrabalho, erros e problemas de comunicação. Além disso, o fato de trabalhar com uma plataforma segura com controle de acesso, coloca a empresa de acordo com as regras da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais).

Dependendo do software de CRM, é possível fazer a integração dos processos com outros departamentos, como financeiro, almoxarifado etc.

Definição do CRM

Antes de escolher qual CRM irá contratar, é importante que os processos internos estejam bem definidos e acordados entre as equipes.

Esse é um projeto colaborativo que requer a integração de todos os departamentos.

O mais indicado é que todos os colaboradores que atuam nos processos operacionais, sejam envolvidos e possam colaborar de acordo com as necessidades reais da operação.

Uma vez definidos os processos e alinhada a equipe, o próximo passo é realizar uma pesquisa de mercado para equilibrar valores de investimentos, expectativas e realidade.

Sempre faça uma pesquisa de satisfação entre os clientes atuais do fornecedor que pretende contratar e não custa nada pesquisá-los em ferramentas de pesquisa e busca, tais como Google e Reclame Aqui.

Implantação

Nomeie um gestor para o projeto de implantação, manutenção e monitoramento;

Monte cronograma de ações com prazos e tarefas definidas de acordo com o processo comercial aprovado;

Apresente o projeto para as equipes, informando os objetivos, fases de implantação e benefícios que serão gerados;

Treine os colaboradores, identifique e acompanhe de perto aqueles que apresentarem mais dificuldades.

Importante: o maior desafio da implantação do CRM está em convencer todos os envolvidos que essa tecnologia é uma aliada dos colaboradores: é uma mudança de cultura.

 

Alguns sinais de que sua empresa precisa de um CRM:

– Informações de clientes/distribuidores descentralizadas;

– Dificuldades no gerenciamento de prazos;

– Notável perda de oportunidades em vendas;

– Equipe de vendas estagnada;

– Coleta de informações executadas manualmente para elaboração de relatórios;

– Anotações em cadernos pessoais;

– Demora no acesso a informações;

– Falhas no processo de vendas;

– Atraso nos prazos (de contato, orçamento, entrega).

Desejo sucesso e aumento de vendas para todos.

 


Por:

THAÍS BRAIT – Especialista em Planejamento Estratégico, Gestão de Mídias Sociais, Treinamentos de Marketing Digital e Marca Pessoal. Publicitária com MBA em Marketing & Negócios Internacionais e MBA Gestão de Negócios e sua grande paixão é arquitetar conexões entre pessoas – H2H. Atua como voluntária do CISV no comitê local de líderes e nacional para Relações Institucionais

(www.cisv.org.br).